Blog NeoImagine
Dia-a-Dia

Loja Virtual x Loja Física

Ei você, que quer começar a vender alguma coisa, micro empreendedor, que quer ter uma loja virtual, senta aí, precisamos conversar.

senta aqui

As pessoas nunca tiveram tanta iniciativa em ter o seu próprio negocio, como hoje em dia, antigamente era comum achar que ter uma carteira assinada era muito mais seguro, hoje a intensão em empreender é bem maior, acho que podemos dizer que as pessoas estão sonhando mais e isso é muito bom!

Mas, na era da informação, dos smartphones e das comodidades virtuais, ainda percebo muitas pessoas confusas sobre como usufruir de tudo que temos a nossa disposição. Não basta ter apenas a intensão de abrir o próprio negocio, devemos fazer muitas pesquisas e aprender coisas novas o tempo todo, é uma regra para ser um bom empreendedor.

Mas vamos focar nas lojas virtuais. É mais fácil ter uma loja virtual, é moderno e sua empresa pode estar em todos os lugares, sim isso tudo é verdade maaaaas… tchãnãnãnã! É igual ou até mais complexo do que ter uma loja física, sabe por quê? Vamos fazer uma listinha:

1º – Você deve seguir as mesmas regras do consumidor, é obrigatório ao proprietário da loja possuir no mínimo um canal de atendimento com o cliente, chamado SAC – Serviços de Atendimento ao Cliente, seu cliente não pode ficar sem resposta no prazo de 24 horas.

2º – Se a loja ainda está começando e você ainda está andando sozinho, você será o proprietário, administrador, o vendedor, o gerente, o marqueteiro… Isso porque quando você contrata uma empresa de desenvolvimento e-commerce ela vai apenas, desenvolver a loja!

Você conhece melhor os seus produtos do que ele entende do mercado e como o vende. Mas isso nos leva ao terceiro ponto.

3º – Entender o mínimo de computação, nada muito avançado é QUASE como postar uma fotinho no facebook, compartilhar um vídeo ou escrever algo. Sabe por que isso é necessário? Você irá cadastrar seus produtos na loja, nome e especificações, colocar imagens para representa-los. Atente-se também a um bom português.

4º – Qual vai ser a forma de envio? E ai, já viu a embalagem, vai ser pelos correios, motoboy, quais seus prazos de entrega? E o frete vai cobrar? Tudo isso depende de você ou da sua equipe, depois que o cliente comprou ele só quer que o produto chegue.

5º – Essa é umas das partes mais importantes, qual vai ser o meio de pagamento, isso você acompanhar com a empresa desenvolvedora, você deve entender como isso funciona e tirar todas as suas dúvidas. Hoje temos muitas opções gratuitas para fazer transações bancarias, como por exemplo, o PagSeguro, Paypal, Moip ou empresas de transação, seu banco de preferência. Mas você deve entender que para o calculo funcionar, devemos ter o valor de custo, quanto vai ser vendido, o peso dos produtos para o calculo de frete. Se preocupar também com a segurança com o seu dinheiro e o do cliente.

6º – Responsabilidade fiscal abra um CNPJ, entenda sobre as tributações do seu ramo de atividade e emita notas fiscais, evitando problemas de fiscalização ou com a Receita Federal.

 

7º – Não menos importante Dedicação! No começo é difícil como abrir qualquer negocio, em qualquer lugar, disponha de tempo e conhecimento para atender bem quem compra seus produtos, nada é de uma hora para a outra, você terá que investir em propaganda e pode ser pelo facebook, twitter, instagran, sua loja pode estar em todos os lugares. Ter uma loja virtual é o mesmo que ter uma loja física, se bem apresentada, com produtos de qualidade e bom atendimento você conquistará muitos clientes.

Esperamos ter dado uma luz a quem ainda tinha dúvidas sobre abrir uma loja virtual, e terminamos com uma frase do nosso grande Silvio Santos:

Não ache que as coisas da vida são fáceis, tudo na vida tem que ser lutado; e quando conquistares uma coisa fácil desconfie, pois ela não é tão fácil como parece.

18

3 comentários

Comentários encerrados.